Inteligência de compras para centrais de negócios

Uma grande dificuldade que os gestores de compras enfrentam no seu dia a dia de trabalho, independentemente da área em que atuam, é conhecer e ter o controle de todo o histórico de compras das empresas associadas. Com as chamadas centrais de compras, esses gestores tem essas informações de forma rápida, eficaz e sem depender de integrações ou interferências dos associados. O segredo é aplicar a inteligência estratégica nas centrais de negócios, otimizando o resultado final.

Por meio da captura de dados das Notas Fiscais Eletrônicas dos associados, o sistema mostra ao gestor informações importantes sobre o que cada associado está comprando, principalmente no que se refere à compras individuais que não passam pela central. Podendo, dessa maneira, controlar com perfeição as verbas recebidas dos fornecedores e antecipar possíveis necessidades de compras dos associados.

Com os dados  dessas notas em mãos, o gestor terá inúmeras informações relevantes, tais como:

  • Conhecer a curva ABC de consumo de seus associados;
  • Planejar as compras;
  • Ter conhecimento de qual associado está conseguindo comprar com melhor preço e em maior quantidade;
  • Barganhar com os fornecedores a fim de diminuir seus custos e ter um produto com melhor preço e qualidade;
  • Poderá extrair custos e rotas dos fretes pagos para compreender melhor o impacto disso em sua logística;
  • A rede cumpre com sua parte Legal ao armazenar essas notas em formato XML em local seguro e organizado;
  • Potencializar seu trabalho como gestor.

Além dessas facilidades, as PMEs ainda podem contar com outros benefícios como: a otimização de tempo e o resultado rápido proporcionando maior precisão, diminuindo a margem de erro e aumentando os lucros da empresa; e a elaboração de um relatório estratégico para o acompanhamento das compras, comparando os produtos, fornecedores, preços, entrega e outras vertentes para somar uma melhor compra.

As vantagens em utilizar uma central de compras são inúmeras, mas os pequenos detalhes fazem toda a diferença e a tecnologia está aí para melhorar cada vez mais o desenvolvimento de qualquer tipo de negócio, independentemente do tamanho da empresa.

*Por Jonatan da Costa, fundador da Área Central.